Debater os efeitos da pandemia nas pessoas com demência

Seminário Internacional Alzheimer e outras Demências debate novos desafios que a pandemia COVID-19 está a colocar às pessoas com demência e seus cuidadores.

Organizado pela Escola Superior de Educação de Viseu em parceria com as Obras Sociais do Pessoal da Câmara Municipal e Serviços Municipais de Viseu, vai decorrer nos próximos dias 19 e 20 de março, em formato online, o IV Seminário Internacional Alzheimer e outras Demências: Conhecer, Compreender e Intervir. A edição deste ano centra-se nos desafios acrescidos que a pandemia COVID-19 está a colocar às pessoas com demência e seus cuidadores.

O seminário, que conta com a participação de conferencistas nacionais e internacionais com mérito reconhecido nesta área, pretende proporcionar um espaço de partilha de evidências científicas e experiências práticas para reflexão em torno de uma resposta mais integrada e atempada. Aspetos relacionados com o conhecimento e compreensão desta realidade, mas também o conhecimento de intervenções inovadoras junto de pessoas com problemas de memória e demência e seus cuidadores constituem o enfoque desta edição.

Paola Barbarino (Alzheimer’s Disease International), Ana Urrutia (Fundacion Cuidados Dignos) e Catarina Alvarez (Alzheimer PT) são os convidados do primeiro painel que aborda os desafios da pandemia para as pessoas com demência e seus cuidadores. Cuidar de quem cuida, Café Memória, cuidados nutricionais, atividade física e tecnologias digitais são experiências de boas práticas em tempos de pandemia apresentadas no segundo painel. O segundo dia do evento é preenchido com workshops de musicoterapia, neuróbica psicoestimulação cognitiva e yoga enquanto estratégica de relaxamento para cuidadores.

Inscrições e mais informações disponíveis aqui.

A organização do evento indica que “a pandemia do novo coronavírus é especialmente castigadora para as pessoas mais velhas (Alzheimer’s Disease International–ADI, 2020), conforme se evidencia no artigo ‘Dementia care during Covid-19’, publicado na revista The Lancet, no qual os autores consideram que é muito mais provável que as pessoas com demência possam contrair a doença porque têm um acesso muito limitado à informação verídica sobre a pandemia, podem revelar dificuldades em compreender a mensagem e em recordar as medidas de prevenção e segurança para evitar o contágio”.

A inscrição no Seminário é obrigatória e gratuita, havendo o apelo de um contributo em forma de donativo para o objetivo do Centro Apoio Alzheimer Viseu: criar um Centro de Recursos Multissensoriais Snoezelen de modo a melhorar a qualidade de vida das pessoas com demência, dos seus cuidadores e familiares.